Blog Grupo SEG

Olá, tudo bem? Bem-vindo ao nosso blog! Em primeiro lugar, gostariamos de nos apresnetar: Somos da equipe do Grupo Solução em Gestão. A proposta deste blog é, sobretudo, buscar o que há de mais atual na internet e disponibilizar para você. Assim como mostrar as nossas ações e campanhas.

Entenda o que é UFS:

Postado em 18/12/2019 por BARBARA ANDRESSA RODRIGUES DOS SANTOS

As Unidades de Saúde da Família (USF) são locais onde o cidadão pode receber os atendimentos gratuitos essenciais em saúde da criança, da mulher, do adulto e do idoso, além de odontologia, requisições de exames por equipes multiprofissionais e acesso a medicamentos. A USF também atua nas promoções de prevenção de doenças com grupos de moradores de cada território, por meio de agentes comunitários e assistentes sociais. Junto com as Unidades Básicas de Saúde (UBS), resolvem grande parte dos problemas de saúde da população do zoneamento que está sob sua responsabilidade. É importante observar que UBS e USF atuam diretamente nos bairros onde as pessoas vivem. Horários de funcionamento das unidades USF – Segunda a sexta-feira: das 8 às 17 horas. Confira quais são as quatro classificações por risco e os locais de atendimentos: Não Urgente (até 360 minutos, se aguardar na UPA ou PA) – Azul: Caso de menor complexidade, sem problemas recentes. Nessa lista estão sintomas iniciados há mais de uma semana, como dores leves e lesões de pele, encaminhamentos para especialistas, acompanhamento de crianças e gestantes, acompanhamento de doenças crônicas e exames de rotina. Casos como este devem procurar atendimento nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades de Saúde da Família (USF). Emergência (atendimento imediato) – Vermelha: risco iminente de perder a vida. As situações para o atendimento imediato são paradas cardiorrespiratórias, coma, trauma de crânio, falta de ar intensa, crise convulsiva, choque elétrico, derrame e fraturas. Atendimento na UPA ou no Hospital. Pouco urgente (até 240 minutos) – Verde: o usuário pode esperar atendimento ambulatorial, respeitando grupos prioritários. A classificação verde se refere a pessoas com idade acima dos 60 anos, gestantes ou deficientes físicos sem sinais clínicos de alarme, além de quadros de dor de cabeça, dor moderada em outras partes do corpo, abscesso, vômito e diarreia sem sinais de alarme, alteração de consciência, força, desidratação ou sangramentos. A recomendação é procurar o primeiro atendimento em Unidade Básica de Saúde (UBS) e Unidade de Saúde da Família (USF). Os casos acolhidos nestas unidades poderão ser referenciados às Unidades de Pronto Atendimento (UPA), conforme avaliação de gravidade. Urgência (até 30 minutos) – Amarela: o paciente precisa ser avaliado. Tem condições clínicas para aguardar por meia hora. São quadros de dor intensa de início imediato, alterações súbitas de comportamento, agitação, confusão mental e desmaios, dor torácica intensa, crise asmática, diabéticos com alterações, dor forte, sangramento, intoxicação, febre (acima de 40 graus), luxação, entorse e acidentes por animais peçonhentos. Atendimento na UPA. Fonte: Prefeitura de Novo Hamburgo e Secretaria Municipal de Saúde (SMS)

Voltar